Escrevemos exatamente o que ouvimos?

Para entender como aprender lingua russa é suficiente ler apenas um diálogo?

Qualquer som de fala que ouvimos é chamado de fonema. Um efeito assombroso se observa no decurso do estudo de língua estrangeira por um adulto: uma pessoa ouve um novo fonema, mas a sua memória não contém a imagem exata deste fonema. Portanto, o cérebro como um confiável computador acostumado a um determinado algoritmo de manejar uma fala se endereça a uma zona de memória humana que contém o ficheiro de sons ouvidos antes e extrai dele uma opção adequada [1]. Note que seu cérebro escolheu o mais semelhante, mas não o que ouviu. Não culpe seu computador - ele não pôde escolher outra opção porque outra opção não houve no "ficheiro"!

Falamos usando palavras compostas de fonemas conectados uns aos outros. Para entender a palavra, precisamos primeiro ouvir seus fonemas. Para ouvir fonemas precisa ouvi-los bem e acostumar-se a distingui-los. Será que é porque os recém-nascidos inicialmente nem sequer repetem os sons da mãe, mas só ouvi-los atentamente? Apenas ao fim de dois ou três meses, eles começam a balbuciar (“гулить”) pouco a pouco. (“гули” – assim os pombos eram chamados na antiga Rússia, enquanto “гулить” é fazer sons como um arrulho de pombo). Até mesmo a mãe não pode entender os primeiros fonemas de criança, porque as crianças estão apenas começando a aprender a controlar sua voz e reproduzir o som exigido usando o método de tentativa e erro.

As crianças pequenas dos dois anos de idade apenas começam a falar [2]. Antes do momento quando a criança começa a conversar, um sistema de identificação de fonemas foi formado no seu cérebro e ela usa estas fonemas para construir as palavras que começa a repetir. Essa habilidade é o resultado de ouvir as conversas da mãe ou babá, que estão ao lado dela (como é conhecido as mulheres pronunciam cerca de 1000 palavras numa ora) [3]. Sabendo quanto tempo a criança está acordada [4] pode-se estimar que o número das palavras ouvidas durante esse tempo é cerca de 5 milhões. Dividindo-os pelo montante da vocabulário média de uma mãe (10,000 palavras) [5], descobrimos que antes de começar a conversar, o bebê ouviu cada palavra uma média de 500 vezes. Então, isto significa que esse é o número de vezes que deveríamos escutar a palavra a tornar-se capazes a reconhecer os sons que a compõem, antes de começar a aprender a repetir a palavra.

No decurso do estudo da fala estrangeira pelos adultos, há uma grande tentação de ir rapidamente de audição das palavras a leitura. Às vezes, os estudantes estrangeiros seriam encorajados pela mensagem que na língua russa "escrevemos exatamente o que ouvimos". Isto não é verdade. Existem até 43 fonemas em Russo [6], enquanto alfabeto russo tem 33 letras [7]. Então, primeiro temos de aprender a ouvir a palavra, e só então aprender a reconhecer como está escrito.

Você pode facilmente verificar por si mesmo o que aprendeu. Diálogo "Зоопарк" ("Jardim zoológico")
(http://www.ruspeach.com/pt/dialogues/all_dialogues/zoopark/) soa durante 20 segundos [5]. Portanto, para se formar em sua mente as fonemas das palavras do diálogo, você precisa ouvir cada uma das 57 palavras do diálogo pelo menos 500 vezes. Você terá que gastar cerca de três horas para isto. Descarregue o diálogo do sítio web, escute-lo por três horas e só então começa a treinar-se vendo o texto do diálogo e seguindo o som. Como resultado de três horas deste trabalho você se certificará que as palavras que ouve e aqueles que são representadas pelas letras e recomendadas a ler de acordo com as regras do alfabeto não soam exatamente o mesmo. Parabéns! Você fez o primeiro passo importantissimo para aprender o idioma russo!


Ссылки:
1. Как научиться слышать и понимать русскую речь.

2. Your Baby's First Words

3. Women really do talk more than men

4. Расписание сна

5. Словарный запас

6. Фонема


Pode encontrar as escolas do idioma russo e os professores:


Tradução
Tradução (ru-pt)
Apenas usuários autorizados podem utilizar esta função